Quadros Vivos de Caravaggio

Quadro de Caravaggio, representando o Tenebrismo

O pintor italiano, figura controversa, um inovador na pintura da sua época, entre 1593 e 1610, veio revolucionar o “estado da arte”. Utiliza como modelos nas suas obras, pessoas simples e humildes, com as quais se cruza nas ruas. Realça as pinturas com fundos negros que contrastam com zonas de luz intensa, forma designada Tenebrismo. Caravaggio veio a Lisboa na forma de imagens vivas, que se transformam em quadros. São vinte, os quadros vivos de Caravaggio, apresentados ao público na Igreja de São Roque.

O Pintor Italiano

Michelangelo Merisi, conhecido pelo nome da sua terra natal, Caravaggio, perto de Milão, nasceu em 1571.

Influenciou a Arte Europeia e, em particular, artistas como Ribera e Velasquez em Espanha, La Tour e Le Nain em França e, sobretudo, Rembrandt na Holanda.

O Estilo que Revolucionou o Renascentismo

Com a sua mentalidade irreverente, Caravaggio veio alterar a ordem artística estabelecida, da representação de personagens perfeitas, delicadas, idílicas, figuras míticas e temas biblicos.

Ao invés, retrata figuras mais realistas, gentes do povo e verte nas suas obras a realidade nua e crua, com as imperfeições do ser humano e o ambiente o ambiente vivido na época.

Tenebrismo

Caravaggio foi o primeiro grande representante do estilo Barroco.

Pintou temas religiosos, mas de forma controversa o que lhe valeu alguma animosidade.

Além do povo humilde, usou também mendigos e prostitutas, como modelos para as suas obras. A realidade, como é vivenciada por ele nas ruas e tabernas, em meios bastante pobres.

Introduziu uma forma peculiar de apresentar os quadros. Fundos muito escuros, tons terrosos e pontos de luz fortes que iluminavam partes da cena representada.

Este estilo melodramático passou a ser conhecido por Tenebrismo.

A Morte de Caravaggio

Morreu muito novo, em 1610, com 38 anos, de forma abrupta e razões desconhecidas.

Só no século XXI, em 2010, se encontraram os seus restos mortais e, oito anos mais tarde se fez luz sobre a causa da morte, que terá sido provocada por ferimentos com uma espada que resultaram numa infeção, um mês antes de morrer.

Quadros Vivos de Caravaggio

Alguns quadros vivos de Caravaggio e as telas que lhes correspondem.

Judite e Holofernes

Judite tinha seduzido o General Holofernes para terminar o cerco a Bertúlia, após o que, determinada, segura-o pela cabeça e decepa-o.

A Crucificação de São Pedro

São Pedro pediu para ser crucificado de cabeça para baixo, para não imitar Jesus. Os três carrascos levantam o Santo, já idoso, com dificuldade.

Crucificação de São Pedro, Caravaggio
Crucificação de São Pedro, Caravaggio

Maria Madalena em Êxtase

Maria Madalena, com toda a sua fé e amor por Deus.

Maria Madalena em Êxtase, Exemplo de Tenebrismo
Maria Madalena em Êxtase, Exemplo de Tenebrismo.

Próximos eventos, pode consultar este link.

Boa disposição para aprender, sempre!

De 1 a 5 estrelas, como avalia este artigo?

Clique numa das estrelas para o avaliar!

Lamentamos que este artigo não tenha sido útil para si!

Ajude-nos a melhorar!

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

close

Junte-se a nós!
Seja feliz!

Visite a Página Facebook
Receba Newsletter por Email
Veja o nosso canal Youtube
Siga-nos no Twitter
Visite o Instagram